Ulaanbaatar

Ulaanbaatar, a capital mais fria do mundo

Centro econômico, cultural e político do país, a cidade tem várias atrações turísticas e hospeda os mais variados tipos de entretenimento

Ulaanbaatar é uma cidade industrializada de comércio pulsante, tráfego selvagem, vida noturna intensa e contracultura boêmia. Os contrastes dentro da capital da Mongólia são impressionantes: homens de negócios de terno Armani se dão bem com punks moicanos e nômades delineados recém-saídos das estepes; em um minuto você está se esquivando do caminho de um Hummer H2 e no outro você fica encantado com o canto de monges budistas em Gandan Khiid.

Ulaanbaatar.
Ulaanbaatar.

É considerada a capital mais fria do mundo, mas no verão tudo acorda. Ulaanbaatar nem sempre é a cidade mais fácil de navegar, mas, com um pouco de paciência, os viajantes podem visitar museus de classe mundial, assistir ao teatro tradicional, saborear pratos da cozinha internacional e aproveitar as festas até a madrugada. Na verdade, esse destino em constante mudança pode ser a maior surpresa da sua aventura na Mongólia.

A cidade está localizada na margem do Rio Tuul e é cercada por quatro montanhas sagradas, com densas florestas de pinheiros nas encostas norte e de estepes gramados no sul.

Principalmente descrita como ensolarada, pacífica e aberta, Ulaanbaatar é onde a vida moderna combina confortavelmente com o estilo de vida tradicional da Mongólia. Ruas largas são reunidas por carros modernos, enquanto cavaleiros e gado ainda são cena comum.

A cidade é atendida pelo Aeroporto Internacional Chinggis Khaan (ULN-Ulan Bator).

Onde Ficar
Kempinski Hotel Khan Palace
Kempinski Hotel Khan Palace

Kempinski Hotel Khan Palace

East Cross Road, Peace Avenue - Bayanzurkh District
Ramada Ulaanbaatar Citycenter
Ramada Ulaanbaatar Citycenter

Ramada Ulaanbaatar Citycenter

Bayangol District, 17th Khoroo - Gandan Peace Avenue 35/1
The Grand Hill Hotel
The Grand Hill Hotel

The Grand Hill Hotel

Jalkhanz Khutagt Damdinbazariin gudamj - 52, 4 dugeer khoroolol
Onde Comer

Hazara

Peace Ave., 16, Ulaanbaatar, Mongólia +976 9909-7716

Escondido atrás do Wrestling Palace, este restaurante do norte da Índia tem sido um dos melhores restaurantes em Ulaanbaatar, por mais de 15 anos. Cada mesa, coberta por uma tenda colorida do Rajastão, é o lugar onde você vai desfrutar de delícias assadas. Experimente o frango tikka, aloo gobi (batata e couve-flor) ou raan-e-hazara (cordeiro marinado em rum).

Saiba Mais

Mongolians

Ikh Toiruu, 93, Barilga Mega Store, Ulaanbaatar, Mongólia +976 11 48-0214

Este restaurante de luxo tem paredes forradas com antiguidades tradicionais e fotos antigas, além de um menu de culinária local contemporânea. Espere carnes fritas, bolinhos de carne de carneiro cozida, juntamente com algumas influências russas e europeias, além de cerveja gelada na torneira.

Luna Blanca Vegan Restaurant

Juulchin Gudamj, 16, FPMT Buddhist Centre, 1st fl, Ulaanbaatar, Mongólia +976 11 31-9953

Famoso por ser o primeiro restaurante vegan na Mongólia, este lugar continua a ser muito popular pela sua comida saborosa e saudável. A cozinha prepara pratos clássicos do país, como o Flour Power e o Mongol Combo Plate, além de opções de inspiração asiática e europeia.

Saiba Mais
Onde Ir
Museu Nacional da Mongólia.
Museu Nacional da Mongólia.

Museu Nacional da Mongólia

O maravilhoso Museu Nacional da Mongólia leva os visitantes desde a era neolítica até os dias atuais. É a única visão genuína de sucesso da UB, oferecendo um panorama geral incomparável da cultura mongol, abarcando os petróglifos da Idade da Pedra, a requintada ornamentação de ouro, além de exibir uma gama completa de trajes cerimoniais tradicionais – que inspiraram o visual de personagens do Star Wars.

Museu Templo Choijin Lama.
Museu Templo Choijin Lama.

Museu Templo Choijin Lama

Este museu do templo, no centro de Ulaanbaatar, foi a casa de Luvsan Haidav Choijin Lama (“Choijin” é um título honorário dado a alguns monges), o oráculo do estado e irmão de Bogd Khan. A construção do mosteiro começou em 1904 e foi concluída quatro anos depois. Fechado em 1938, provavelmente teria sido demolido se não tivesse virado museu em 1942. Ele serve como um demonstrativo das formas do passado feudal.

Palácio de Inverno de Bogd Khan.
Palácio de Inverno de Bogd Khan.

Palácio de Inverno de Bogd Khan

Construído entre 1893 e 1903, este palácio é onde o oitavo Buda Vivo da Mongólia e último rei, Jebtzun Damba Hutagt VIII (frequentemente chamado de Bogd Khan), viveu por 20 anos. O palácio foi poupado da destruição pelos russos e transformado em museu. A casa de verão, nas margens do Tuul Gol, foi completamente destruída. Existem seis templos no terreno; cada um, agora, contém obras de arte budista, incluindo esculturas e thangkas.

Dica Extra

Passeio a Camelo

Você quer ver o deserto do jeito que as pessoas do Gobi fazem? É possível explorar o deserto de camelo! Assim, você não apenas descobre as maravilhas e recantos ocultos do Gobi, mas também percebe como as pessoas da região vivem nessa vasta área inóspita. Alguns passeios incluem a passagem pelas ruínas de Ongiin Khiid Monastry, em Bayanzag, onde foram encontrados ossos e ovos de dinossauros, e pelas dunas de areia Mongol Els.

O que levar

Para os períodos de clima quente, roupas leves e calçados confortáveis são fundamentais.

 

Roupas leves

Sapatos confortáveis

Malha

Mochila

Protetor Solar

Dicas de quem #VaiComMultiplus

Dicas:
Curtidas:
Classificação:
Preço:

Mais destinos pra você