Maracaibo

Terra do petróleo e das altas temperaturas, Maracaibo é beleza que encanta

Cidade conquista lugar no coração dos turistas, por abrigar importantes atrações

Vista do alto, a cidade venezuelana de Maracaibo dá impressão de uma grande metrópole de ruas largas e grandes edifícios. Em meio às estruturas de concreto, o verde das árvores floresce e serve de abrigo nos meses de temperaturas mais elevadas. Em suas margens, a mais importante fonte de riqueza: uma grande baía conectada ao Mar do Caribe e ligada a outros rios, sendo considerado o maior lago da América do Sul e já um senhor com mais de 20 milhões de anos, segundo pesquisas geológicas.

Durante a noite, no silenciar das movimentadas avenidas, a luzes refletem beleza e convidam o visitante para uma gastronomia diversificada. A cidade é atendida pelo Aeroporto Internacional de La Chinita (MAR).

Praticamente vinda de um poema, Maracaibo é conhecida como terra do amado sol, em alusão ao poema referente ao clima da cidade do renomado autor Rafael María Baralt. Lugar onde são registradas as temperaturas mais altas da Venezuela, o verão pode ser bem quente, com temperaturas que chegam a 36°C, mas já houve registros na casa dos 39°C.

É uma região com rico patrimônio histórico, então você encontrará museus, basílicas, praças, teatro, centros de artes e outros.

A primeira árvore de café da Venezuela data de 1730. Foi o porto de Maracaibo que atuou como a saída natural das exportações do café da região andina. Os tempos de crise começaram com a monopolização pela Funcafé, e a atividade deixou de ser a mais lucrativa. Contudo, o município possui charmosos cafés que mantiveram a tradição de servir a autêntica bebida.

O turista que visitar Maracaibo encontrará um povo de grande devoção. A Virgem de Chiquinquirá é uma santa católica padroeira da Colômbia, do estado de Zulia e da cidade de Caraz. Uma das imagens da santa está na basílica da cidade, e tradicionalmente no mês de novembro é comemorado a Feira de La Chinita, realizada desde 1966, com missas e procissões em honra da imagem. Durante os festejos, o turista pode prestigiar concertos, exibições culturais, artesanais e comerciais ao som da gaita de fole.

Onde Ficar
Featured Image
Featured Image

Hotel Maracaibo Cumberland

Calle 86 A No 4 150
Hotel Costa Real
Hotel Costa Real

Hotel Costa Real

Av. Circunvalación 2 - Diagonal Palacio de Eventos
Onde Comer

Mi Vaquita

Ave 3H Esq. Calle 76 | Sector Plaza Republica, Maracaibo, Zulia, Venezuela +58 261 791-1990

O restaurante é reconhecido por sua cozinha internacional, especializada em carne assada servida ao gosto até dos mais exigentes. No Mi Vaquita, você desfrutará de um extenso menu e de ambiente familiar e aconchegante, cobertos por um excelente serviço.

Saiba Mais

Caribe Concert

Calle Carabobo entre Ave. 6 y 7 Casco central, Maracaibo, Zulia, Venezuela +58 424 695-2643

O restaurante é mix de cozinha italiana e latino-americana, com diversos ambientes, como discoteca, piscina, teatro, pizzaria, lojas, terraço e hotel decorados com o conceito da cidade e agradando a todos os tipos de público.

DA VINCI

Av 11, Maracaibo, Zulia, Venezuela +58 261 798-7108

Da Vince oferece seleta variedade de pratos da gastronomia italiana, adaptando seu sabor através do paladar latino-americano com seus gostos e exigências, oferecendo inovação e serviço excelente. Seu ambiente é caracterizado pelo conforto, que fará qualquer turista se sentir em casa.

Saiba Mais
Onde Ir

La Vereda del Lago Maracaibo

Av el milagro | Av. El Milagro Cerca de la Universidad, Maracaibo, Zulia, Venezuela

O Lago de Maracaibo é a maior fonte de riquezas da região, por ser rota de transporte para os portos de Maracaibo e Cabimas, além de conter grandes reservas de petróleo. Com área de 13 mil km2, o lago ocupa o 23° lugar entre os maiores do mundo. A Ponte General Rafael Urdaneta, de 8,7 km de comprimento, na saída da baía, é uma das maiores já vistas. La Vereda é um lindo parque nas margens do lago, com vista maravilhosa para quem deseja caminhar, correr, andar de bicicleta ou patins. O parque também é uma estação de saída para quem quer fazer um tour de bondinho.

Centro de Arte Lía de Bermúdez  

Calle 99 “Comercio”, Maracaibo 4001, Maracaibo, Zulia, Venezuela

O local já foi o Mercado Principal da cidade, construído em 1866. Depois de anos, em 1927, o velho centro comercial foi consumido completamente por um grande incêndio. Em 1931, uma nova estrutura terminou de ser montada, e o novo mercado abriu suas portas. No entanto, em 1973, as portas se fecharam novamente, devido ao surgimento de uma infraestrutura similar: o mercado das pulgas. Foi então decidida a sua remodelação e transformação em Centro Popular de Cultura, a fim de promover as manifestações artístico-culturais próprias dos zulianos. Essa experiência durou até o mês de outubro de 1982, quando fechou suas portas mais uma vez. Em 1979, a escultora Lía Bermúdez, que trabalhava na Secretaria de Cultura, propôs ao governo nacional o remodelamento do prédio, que já estava reestruturado. Em 7 de julho de 1990, depois de mais de uma década de espera, o governador do estado de Zulia, Oswaldo Alvarez Paz, mediante decreto, criou o Centro de Artes de Maracaibo Lía Bermúdez (CAM-LB), com o melhor da cultura da cidade, estado e país.

Aguamanía

Av. 2 Parque Vereda del Lago, Maracaibo, Zulia, Venezuela

Tomando como modelos os grandes parques aquáticos ao redor do mundo, Aguamanía abriu suas portas para o público em 2005 e, hoje, conta com mais de 3 mil visitantes que desfrutam de suas instalações aos fins de semana, feriados e temporadas de férias. Com 25 mil m2, o parque oferece todos os tipos de atrações, desde as que agradarão as crianças até os mais corajosos com esportes radicais. Mais de 15 tobogãs compõem o complexo de diversões, sendo nove deles escorregadores de inclinação moderada e baixa velocidade, com cachoeiras e passagens divertidas e seguras, e 8 deles tobogãs distribuídos em duas torres com mais de 17 m de altura, que permitem sentir a emoção causada pela elevação, inclinação e velocidade, em estruturas abertas e fechadas.

O que levar

Para viajar à Venezuela, em qualquer época do ano, coloque na mala:

 

Boné

Protetor solar

Roupas de banho

Roupas leves

Dicas de quem #VaiComMultiplus

Dicas:
Curtidas:
Classificação:
Preço:

Mais destinos pra você