DICAS DE VIAGEM

7 coisas que todo mundo deve fazer em Manaus

Uma das cidades mais incríveis do Brasil, Manaus é uma capital que enche os olhos dos viajantes, turistas e moradores locais.

Seja pela beleza da Floresta Amazônica ou pelo visual de tirar o fôlego do encontro das águas do Rio Negro com o Rio Solimões, que formam o Rio Amazonas.

Seja pela simpatia do povo Manauara ou pelos sabores exóticos da culinária regional: Manaus é um destino que merece ser visitado por todos os brasileiros!

Reunimos algumas informações sobre coisas que todo mundo deve fazer em Manaus. Confira:

O encontro das águas em Manaus.
O encontro das águas em Manaus.

Encontro das águas

A cerca de 40 minutos de Manaus encontra-se uma das principais maravilhas naturais do Brasil: O encontro das águas escuras do Rio Negro e das águas barrentas do Rio Solimões.

Os dois cursos de água fluem em velocidades, temperaturas e densidades diferentes, por isso, não se misturam, e uma linha nítida pode ser avistada pelos visitantes.

O resultado desse encontro se estende por 6km e forma, posteriormente, o Rio Amazonas.

Passear de barco para ver o encontro das águas é uma das principais coisas para fazer em Manaus!

O incrível Teatro Amazonas.
O incrível Teatro Amazonas.

Teatro Amazonas

O Teatro Amazonas é o edíficio mais icônico de Manaus e é também um dos pontos turísticos principais da cidade.

A construção foi inaugurada em 1896 e é um símbolo de toda a riqueza acumulada durante os anos da borracha.

Não deixe de incluir uma visita guiada pelo Teatro Amazonas em seu roteiro de visita à Manaus.

O Largo São Sebastião fica no Centro Histórico de Manaus.
O Largo São Sebastião fica no Centro Histórico de Manaus.

Centro Histórico

Manaus foi fundada em 1669 e passou por um rápido crescimento durante o Ciclo da Borracha, entre os séculos XVII e XVIII. Por conta disso, a cidade tem um centro histórico incrível.

Não deixe de visitar o Largo São Sebastião, que possui um piso que lembra o calçadão da Praia de Copacabana e que foi feito para lembrar o famoso encontro das águas dos principais rios locais.

O centro histórico de Manaus é cercado de casarões e palacetes, como o Palácio da Justiça e o Palácio Rio Branco, que datam do Ciclo da Borracha e que ainda preservam sua beleza e charme originais.

Vitória-régias do Lago Janauari. Foto de Jefferson Rober/CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons
Vitória-régias do Lago Janauari. Foto de Jefferson Rober/CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Parque Ecológico do Lago Janauari

Localizada a cerca de uma hora de distância de barco de Manaus, a Reserva Janauari é o local ideal para conhecer um pouco mais da fauna e da flora da Floresta Amazônica.

O passeio percorre um igapó, uma área de mata alagada, e culmina na comunidade Janauari, que conta com restaurantes, feirinhas de artesanato e pontes de madeira que percorrem as matas.

Por lá dá para ver a típica Vitória-Régia, um símbolo da região, e também as árvores Samaúma, que são altíssimas e possuem um tronco muito largo. Em um dia de sorte, dá para ver macacos e jacarés que são típicos dessa região.

O Museu do Seringal ensina como a extração da borracha era feita. Foto: M. Rocha/Sec. de Cultura do Estado do Amazonas.
O Museu do Seringal ensina como a extração da borracha era feita. Foto: M. Rocha/Sec. de Cultura do Estado do Amazonas.

Museu Seringal

O ciclo da borracha foi muito importante para o desenvolvimento econômico do Brasil e não há melhor forma de entender como ele aconteceu do que visitando o Museu do Seringal.

Localizado a cerca de 80 m de Manaus, o Museu do Seringal reproduz em detalhes como era a vida durante esse período, desde os grandiosos Barões da Borracha até os seringueiros.

Por lá dá para ver exatamente como o látex costumava ser extraído na época, além de aprender mais sobre o processo de galvanização.

Mercado Municipal de Manaus. Foto: bfishadow / CC BY 2.0, via Wikimedia Commons
Mercado Municipal de Manaus. Foto: bfishadow / CC BY 2.0, via Wikimedia Commons

Mercado Municipal

A diversidade de frutos, cheiros e sabores da região amazônica são mundialmente famosos.

Não existe melhor maneira de descobrir parte dessa riqueza do que visitando o mercado municipal de Manaus!

O Mercado Municipal reúne frutos locais que não nascem em nenhum outro lugar no mundo, além de peixes de água doce, legumes e ervas.

Este também é um ponto bom para comprar souvenirs, que vão ajudá-lo a lembrar para sempre de sua viagem a Manaus.

Aproveite o Mercado Municipal manauara para experimentar iguarias locais e saborear alguns alimentos exóticos.

O prédio foi inaugurado em 1882 e seu interior foi inspirado na opulente Galeria Vittorio Emmanuelle, de Milão.

Praia de Ponta Negra, em Manaus. Foto: James Martins/ CC BY 3.0, via Wikimedia Commons
Praia de Ponta Negra, em Manaus. Foto: James Martins/ CC BY 3.0, via Wikimedia Commons

Praias de Rio

A cidade de Manaus é conhecida por suas temperaturas altas e por sua grande umidade. Depois de um dia curtindo a floresta, que tal relaxar em uma praia de rio?

A Praia de Ponta Negra foi inaugurada na cidade em 2014 e tem uma extensa faixa de areia. Você pode tomar sol e, depois, se refrescar em um banho de rio.

A região de Ponta Negra também é conhecida por ser badalada durante a noite.

Quer uma outra praia, dessa vez mais isolada e com clima de paraíso? Tente a Praia da Lua, que fica a cerca de 5 minutos de barco de Manaus!

#VaiComMultiplus

Ficou com vontade de viajar para Manaus depois de ler mais sobre coisas que todo mundo deve fazer por lá?

Troque seus pontos Multiplus por passagens aéreas e curta tudo o que essa capital brasileira tem a oferecer sem precisar colocar a mão no bolso!