DICAS DE VIAGEM

12 coisas que todo mundo deve conhecer em Tóquio

A primeira visita ao Japão a gente nunca esquece. Para desbravar essas terras, nada melhor do que começar por Tóquio: gigante, cosmopolita e diferente de tudo a que estamos acostumados.

Os marinheiros de primeira viagem vão se surpreender, tanto com as diferenças culturais quanto com a tamanho da cidade (e da população). Por isso, use nosso roteiro para aproveitar o que de melhor a cidade tem a oferecer.

Shibuya, em Tóquio.
Shibuya, em Tóquio.

Shibuya

O famoso cruzamento de Shibuya, por onde passam milhares de pessoas todos os dias, representa fielmente esse distrito: populoso, moderno e diverso.

Shibuya é o maior centro financeiro e comercial da cidade.

 

Descolado, é destino de compras e diversão noturna também. Se as luzes da Times Square, em Nova York, te surpreendem espere até ver as luzes de Shibuya.

A Torre de Tóquio.
A Torre de Tóquio.

Torre de Tóquio

Para ter uma visão panorâmica da cidade, suba na segunda maior construção do Japão: a Torre de Tóquio, com 333 metros de altura e dois deques de observação. Se possível, faça essa visita à noite, quando Tóquio está completamente iluminada.

Edifício do Governo Metropolitano de Tóquio.
Edifício do Governo Metropolitano de Tóquio.

Edifício do Governo Metropolitano de Tóquio

Ao contrário da Torre de Tóquio, a visita ao deque de observação desse prédio pode ser aproveitada gratuitamente. Do alto de seus 202 metros de altura, é possível ter uma visão de todo o distrito de Shinjuku, um dos mais importantes da cidade.

O Museu Nacional de Tóquio.
O Museu Nacional de Tóquio.

Museu Nacional de Tóquio

Se tiver que escolher apenas um museu para visitar na cidade, vá para o Museu Nacional de Tóquio. Além de estar localizado dentro do Parque Ueno, cheio de templos, lagos e cerejeiras, o museu é o mais antigo e importante do Japão. São 110 mil obras espalhadas por cinco prédios.

O Ryoguku Kokugikan. Imagem: Goki (CC-BY-SA-3.0), via Wikimedia Commons
O Ryoguku Kokugikan. Imagem: Goki (CC-BY-SA-3.0), via Wikimedia Commons

Sumô no Ryoguku Kokugikan

Sonha em assistir a uma luta de sumô ao vivo? O Ryoguku Kokugikan recebe três campeonatos de sumô anualmente. Caso sua viagem coincida com algum deles, aproveite! Se não, o estádio também recebe outros campeonatos no decorrer do ano, como de boxe, por exemplo.

Karaokê em Tóquio.
Karaokê em Tóquio.

Karaoke Kan

O Karaoke Kan ficou conhecido mundialmente como a locação de uma das sequências mais icônicas do filme “Encontros e Desencontros”, de Sofia Coppola. Por isso, é um dos mais amigáveis para os turistas, apesar de bastante autêntico. Aproveite para beber, comer e cantar sem vergonha de ser feliz!

Comida Izakaya é uma delícia!
Comida Izakaya é uma delícia!

Comida de izakaya

Você não viverá uma experiência completa em Tóquio se não conhecer um izakaya.

Esses restaurantes casuais, que também podem ser classificados como petiscarias ou botecos, são pequenos e aconchegantes.

 

No cardápio, encontre comidas como karaage (frango frito), okonomiyaki (tipo de panqueca japonesa), karê (curry de porco e legumes), dentre outros, e acompanhe com cerveja ou saquê*.

*Beba com moderação.

O Mercado de Peixe Tsukiji.
O Mercado de Peixe Tsukiji.

Mercado de Peixe Tsukiji

O mais importante e conhecido mercado de peixe de Tóquio é o Tsukiji.

Os famosos leilões acontecem lá, quando donos de restaurantes e cozinheiros disputam as partes mais nobres de peixes como o atum.

Para evitar os turistas e abastecer os restaurantes logo cedo, os leilões acontecem ainda de madrugada.

Então, mesmo que não consiga assisti-los, vale a visita para provar os peixes super frescos, servidos nas barracas.

Kawagoe é uma cidade super charmosa.
Kawagoe é uma cidade super charmosa.

Kawagoe

Kawagoe é uma pequena cidade a 45 km de Tóquio, que conservou os armazéns do Período Edo. Para uma visão diferente do Japão, vale a visita à Rua Kurazukuri, para ver as lojas que ocuparam os antigos armazéns, e à Rua Kashiya Yokocho, também conhecida como Beco dos Doces, por conta da grande oferta de docerias.

O charmoso Jardim Nacional Shinjuku Gyoen.
O charmoso Jardim Nacional Shinjuku Gyoen.

Jardim Nacional Shinjuku Gyoen

O Shinjuku Gyoen é um parque originalmente imperial de 58 hectares, que abriga tanto jardins à moda japonesa quanto francesa e inglesa. É necessário pagar uma entrada, que vale o passeio, tamanha a beleza e bom estado de conservação do lugar.

O Templo Senso-Ji.
O Templo Senso-Ji.

Templo Senso-ji

Nenhuma viagem ao Japão está completa sem uma visita a um dos inúmeros templos, se não por motivos espirituais, para enriquecimento cultural e puro deslumbre. O Senso-ji é um dos mais procurados por turistas por conta de sua localização.

Ginza é ótima para fazer compras.
Ginza é ótima para fazer compras.

Ginza

Para se perder nas compras, visite Ginza. O bairro concentra desde enormes lojas de departamento, como a UNIQLO de nada menos que 12 andares, até lojas de moda high-end, de todas as partes do mundo.

Mais Tóquio

Agora que você já tem a lista básica de turismo em Tóquio, veja mais dicas para aproveitar a cidade.

Quer incluir um parque de diversões na viagem? Saiba tudo sobre Tokyo DisneySea, um dos parques da Disney japonesa.