Terra do petróleo e das altas temperaturas, Maracaibo é beleza que encanta

Cidade conquista lugar no coração dos turistas, por abrigar importantes atrações

Vista do alto, a cidade venezuelana de Maracaibo dá impressão de uma grande metrópole de ruas largas e grandes edifícios. Em meio às estruturas de concreto, o verde das árvores floresce e serve de abrigo nos meses de temperaturas mais elevadas. Em suas margens, a mais importante fonte de riqueza: uma grande baía conectada ao Mar do Caribe e ligada a outros rios, sendo considerado o maior lago da América do Sul e já um senhor com mais de 20 milhões de anos, segundo pesquisas geológicas.

Durante a noite, no silenciar das movimentadas avenidas, a luzes refletem beleza e convidam o visitante para uma gastronomia diversificada. A cidade é atendida pelo Aeroporto Internacional de La Chinita (MAR).

Praticamente vinda de um poema, Maracaibo é conhecida como terra do amado sol, em alusão ao poema referente ao clima da cidade do renomado autor Rafael María Baralt. Lugar onde são registradas as temperaturas mais altas da Venezuela, o verão pode ser bem quente, com temperaturas que chegam a 36°C, mas já houve registros na casa dos 39°C.

É uma região com rico patrimônio histórico, então você encontrará museus, basílicas, praças, teatro, centros de artes e outros.

A primeira árvore de café da Venezuela data de 1730. Foi o porto de Maracaibo que atuou como a saída natural das exportações do café da região andina. Os tempos de crise começaram com a monopolização pela Funcafé, e a atividade deixou de ser a mais lucrativa. Contudo, o município possui charmosos cafés que mantiveram a tradição de servir a autêntica bebida.

O turista que visitar Maracaibo encontrará um povo de grande devoção. A Virgem de Chiquinquirá é uma santa católica padroeira da Colômbia, do estado de Zulia e da cidade de Caraz. Uma das imagens da santa está na basílica da cidade, e tradicionalmente no mês de novembro é comemorado a Feira de La Chinita, realizada desde 1966, com missas e procissões em honra da imagem. Durante os festejos, o turista pode prestigiar concertos, exibições culturais, artesanais e comerciais ao som da gaita de fole.

Onde Ficar

Onde Ficar

Onde Comer

Onde Comer

Onde Ir

Onde Ir

O que levar

O que levar

Para viajar à Venezuela, em qualquer época do ano, coloque na mala:

 

Boné

Protetor solar

Roupas de banho

Roupas leves

Informações e links úteis

Informações e links úteis

Quando ir

Em Maracaibo, o verão é curto, quente e de céu encoberto, e o inverno é longo, morno e de céu limpo. Em ambas as estações, o tempo é abafado e, ao longo do ano, a temperatura varia de 24 a 34°C e raramente é inferior a 22°C ou superior a 36°C. A melhor época do ano para visitar Maracaibo e realizar atividades gerais ao ar livre, incluindo atividades de piscina e praia, é do fim de dezembro ao início de março.

Como se locomover

Para não depender do transporte público, que pode ser um pouco confuso, recomenda-se que os turistas aluguem um carro ou peçam táxis.

  • Vacina
    é exigida certificação internacional de vacinação contra febre amarela
  • Passaporte
    não é obrigatório. Brasileiros podem utilizar o RG
  • Visto
    não é exigido de brasileiros
  • Moeda
    bolívar venezuelano
  • Fuso
    UTC-04:00
  • Embaixada
    Calle Los Chaguaramos, Centro Gerencial Mohedano, La Castellana, Caracas, Distrito Capital, Venezuela +58 412 621-2008

Dicas de quem já viajou

Dicas de quem já viajou

Envie sua dica!

Conte como foi sua experiência viajando com a gente.